AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores..pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

SER POETA



Ser poeta é ser actor
sem filme onde representar
ser poeta é sofrer de amor
quando nem sequer se sabe amar

Ser poeta é ser mentiroso
porque nas mentiras pode haver verdade
ser poeta é compartilhar a vida
e mesmo assim morrer de saudade

Ser poeta é não saber falar
porque a escrever o mundo é maior
ser poeta é alimentar os dias a pensar
porque assim as palavras saem melhor

Ser poeta é estar doente
sem dor nem mal se sentir
ser poeta é ser confidente
dos fantasmas que nos insistem em perseguir

Ser poeta é lutar desarmado
numa guerra que nos invade a cabeça
ser poeta é viver isolado
sem a ilusão de que alguém apareça

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

MEU PAI



Meu Pai que estás no céu
guardião de tudo o que é meu
que a Tua voz seja a minha melodia
e a Tua mão o mapa que me guia

Refúgio para a minha tristeza
ajuda-me na incerteza
não deixes a solidão me levar
que eu prometo Teus passos acompanhar

Perdoa-me por Te esquecer em alguns momentos
mas a minha alma por vezes deixa-me à minha sorte
obrigada por conheceres os meus tormentos
e obrigada por me tornares tão forte

sábado, 11 de setembro de 2010

ACEITO E PARTILHO



Quero saber dividir
para poder repartir
quero perder-me na estrada
para procurar a morada
quero falar mais pausadamente
para me ouvir verdadeiramente


Aceito, agradeço e retribuo
a quem o silêncio me quiser dar
explico, ensino e aprendo
o verdadeiro sentido de partilhar
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...