AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores, através do email: atendimento@spautores.ptatendimento@spautores.pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

terça-feira, 17 de março de 2009

TENHO MEDO...

(imagem retirada de feiticosdacarol.zip.net)

Tenho medo de falar
Tenho medo de não ouvir
Tenho medo de aceitar
Quem insiste em me ferir

Tenho medo da luz
Tenho medo do escuro
Tenho medo de não seguir
Pelo caminho mais seguro

Tenho medo de mim
Tenho medo de alguém
Tenho medo porque assim
Vivo num eterno vaivém

Tenho medo de ver
Tenho medo de cegar
Tenho medo de não conseguir
Os meus sonhos alcançar

Tenho medo de tudo
Tenho medo de nada
Tenho medo dia-a-dia
De me desviar da estrada

Tenho medo de ter medo
E tenho medo de não ter
Porque viver sem ter medo
Não me ajuda a saber viver

1 comentário:

  1. Muito profundo. Às vezes também me sinto assim.

    ResponderEliminar