AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores..pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

MULHER (repost)

Mulher
É aquela que ao pegar o filho nos braços
Lhe sente os medos, os sonhos, os desabafos
Mulher
É aquela que enfrenta qualquer batalha
Sem questionar esforços, por pouco que valha
Mulher
É aquela que dá sem nada pedir
Por dentro a chorar, por fora a sorrir
Mulher
É aquela que ama sem qualquer barreira
E sem reclamar se dá por inteira
Mulher
É aquela que nos segura na mão
Quando é preciso guiar o nosso coração
Mulher
É luz, é brisa é saudade
Mulher
É silêncio, maresia é felicidade
Mulher
É tão-somente um ser divinal
Que tudo onde toca torna especial

1 comentário:

  1. Olá Isabel
    Olá Lucília;

    Há já muito tempo que não vinha por aqui. As trangalhadanças da vida assim me obrigam e "impõem."
    Neste "regresso" dou de caras com esta bela pérola dourada.
    Muito lindo. Desconhecia. Merecido, no que de intenções possui.
    Até mais ver...

    JM Ferreira

    ResponderEliminar