AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

quarta-feira, 3 de março de 2021

Desabafos de um Gato doméstico

 


Vida difícil esta a que me entrego

O descanso é um fardo pesado que carrego

Faço um esforço enorme na hora da refeição

Deixar a taça limpa é minha obrigação

Os meus ossos já reclamam da cama macia

O meu miar é um bálsamo para a casa vazia

Custa-me horrores estar no colo do meu humano

As festas e os carinhos deixam-me insano

Afio as minhas unhas no sofá da sala de estar

Porque não conheço outro modo de as limar

Criticam as minhas poses de relaxamento

Chamam-me exibido, mas é apenas um tratamento

Gato doméstico sofre com tanta mordomia e cuidado

Mas um lar sem um gato está, com toda a certeza, condenado


12 comentários:

  1. Linda poesia e desabafos...Gostei de ler! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  2. Gato sofre...
    Gostei imenso do poema, é magnífico.
    Bom fim de semana, querida amiga Isabel.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  3. Interessante poesia que proporciona agradável leitura.
    Venham mais!
    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. Acarinhando o companheiro de sempre numa poesia amorosa!
    Que lindo, Isamar!

    Bom fim de semana e que os dias se desenrolem
    mais animados e esperançosos... Beijinhos
    ~~~~~~

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...