AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores, através do email: atendimento@spautores.ptatendimento@spautores.pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

sábado, 13 de junho de 2015

Santo António

(peça feita à mão pelas Deemak Twins)

O teu admirável dom como pregador
Exercia fascínio sobre as multidões
A defesa do pobre e a reprimenda do rico
Assim eram os teus valiosos sermões.

Santo pelo povo venerado
Padroeiro dos pobres e oprimidos
És por todos muito festejado
Obrigado por atenderes nossos pedidos.

Não há casa que não te venere
Nos seus oratórios enfeitados
Padroeiro de quem trabalha arduamente
És um dos Santos mais amados.

Santo António te invocamos
Para achar coisas perdidas
Protege o lar onde habitamos
Ajuda-nos a sarar as feridas.

Tens ao colo o menino Jesus
Companheiros na cumplicidade
Santo António ilumina-nos com a tua luz

E guia-nos no caminho da verdade.

Sem comentários:

Enviar um comentário