AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores, através do email: atendimento@spautores.ptatendimento@spautores.pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Senhor, hoje venho ..

 
(imagem retirada da internet)


Senhor, hoje venho pedir
Sei que custa admitir
Mas preciso do Teu amparo
Senhor, hoje falta-me coragem
Sinto-me como a água na barragem
Entregando-me a este despreparo

Senhor, hoje venho agradecer
Esqueço-me de reconhecer
O quão grande é o Teu amor
Senhor, hoje só quero ouvir-Te
Sem medos seguir-Te
E poder acalmar esta dor.

Senhor, hoje venho confessar,
Admitir e aceitar
Os erros que cometo em vão
Senhor, hoje espero humildemente
Como a terra com a semente
Ansiando o Teu perdão.

Senhor, hoje venci o meu inimigo
Afastei-me do perigo
Porque Tu me soubeste guiar
Senhor, hoje sei que é na simplicidade,
Na esperança e na humildade
Que Te hei-de sempre encontrar.



Sem comentários:

Enviar um comentário