AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores, através do email: atendimento@spautores.ptatendimento@spautores.pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Não foi sorte, foi Deus

(imagem retirada da internet)


O caminho fácil de percorrer
Para chegar junto dos seus
Foi planeado com saber
Não foi sorte, foi Deus

A dor no momento da partida
E na hora do adeus
Por vezes não deixa ferida
Não foi sorte, foi Deus

Os percalços que se resolvem
E deixam de ser meus
Por magia não se dissolvem
Não foi sorte, foi Deus.

Sem comentários:

Enviar um comentário