AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

quinta-feira, 7 de março de 2019

Frágil como as Pitangas


O tempo é como água
Foge-nos por entre os dedos
Se hoje guardas mágoa
Amanhã vives dos medos

Ontem é sempre importante
Porque hoje já sabes mais
Amanhã sairás triunfante
Se souberes por que caminho vais

O passado é como uma estante
Repleta de livros e bugigangas
À vista torna-se desgastante
Mas é frágil como as pitangas.

4 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...