AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores..pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

sábado, 26 de abril de 2008

PAIXÃO EM TEUS OLHOS

No fundo dos teus olhos negros
Vejo uma luz que brilha sem parar
Reflecte tudo o que vejo
Um mundo, um sonho, um olhar.

Fixaste teus olhos negros
Em algo que não sei, nem vejo
Talvez num vazio de um sonho
Ou no recanto doce de um beijo.

Olhos negros que brilham sem dor
Como se chamassem por mim
Não os oiço, não os quero ouvir
Não te quero tão perto, só te quero assim.

Teus olhos negros enchem minha alma
E esvaziam o meu coração
Transformas meu dia em noite
E a noite numa doce e terna paixão.

Sem comentários:

Enviar um comentário