AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores..pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Deixaste-me Sozinha

Imagem: internet

Parece que ainda foi ontem
Que me deixaste abandonada
O tempo passa depressa
Para quem já conhece a estrada

Deixaste um coração despedaçado
No lugar que outrora foi feliz
Desejei que fosses amaldiçoado
Por me tornares um ser tão infeliz

A vida continua as suas voltas
Iremo-nos voltar a encontrar
Agora já não tenho pontas soltas
Nem me lembro que te cheguei a amar

Se chegares a passar na minha rua
Lembra-te que já não te conheço
A vida que escolheste agora é tua
De falta de amor já não padeço.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...