AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores..pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

AMIGO



Hei-de levar-te em meus braços
sempre que estiveres em perigo
hás-de sempre ter-me a teu lado
hás-de sempre ter um amigo

Dá-me a mão, não a soltes
prometo não a largar sem pedires
os meus passos irão ser os teus
até ao dia em que partires

Um amigo sabe dizer
mesmo que não precise falar
o que o outro precisa saber
sem sequer o demonstrar

Amigo, irmão, companheiro
defensor da lei da amizade
a ti me dou por inteiro
sem ti não sou nem metade

1 comentário:

  1. Era bom se houvessem muitos amigos assim, tão leais.
    Mais uma vez lindo...

    Beijinhos,
    João

    ResponderEliminar