AVISO

É expressamente proibida a cópia ou reprodução em parte ou na totalidade do conteúdo deste blog, sem prévia autorização, estando reservados os direitos de Autor.

Para utilização de qualquer poema, é favor contactar a Sociedade Portuguesa de Autores, através do email: atendimento@spautores.ptatendimento@spautores.pt.

A Autora,

Isabel Mendes (Isamar)

terça-feira, 22 de março de 2016

Desenhar o meu caminho


Quero desenhar o meu caminho
Mas faltam-me os lápis de cor
O desenho não se faz sozinho
E eu não tenho rasgos de pintor

Vou desenhar um caminho estreito
Rodeado de vegetação
Com pedrinhas de qualquer jeito
E flores da mais linda estação

Quando o conseguir desenhar
Vou coloca-lo numa moldura
Quero poder contemplar
A única saída desta agrura

O desenho do meu caminho
Vai transbordar de tranquilidade
Irá ser fácil de percorrer
E terá apenas a minha identidade.

Sem comentários:

Enviar um comentário